VOCÊ ENCONTROU O QUE QUERIA? PESQUISE. Nas guias está a matéria que interessa a você.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.
GUIAS (OU ABAS): 'este blog', 'blogs interessantes', 'só direito', 'anotações', 'anotando e pesquisando', 'mais blogs'.

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Campanha de Doação de Sangue

Quando estudante da Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo, sugeri a promoção da doação de sangue, como forma de integrar o calouro, como cidadão participante, na sociedade. O exemplo de tal campanha trago da Faculdade de Arquitetura, na Universidade Mackenzie, quando das comemorações da semana do calouro.

Louvo a iniciativa da FDSBC, mais uma vez. Sirvamos nós, agora, como referência.

:: Realizada Campanha de Doação de Sangue na FDSBC ::

A FDSBC, em parceria com o Centro Acadêmico XX de Agosto e a COLSAN (Associação Beneficente de Coleta de Sangue), promoveu uma campanha de doação de sangue em suas dependências.

A ação solidária ocorreu no dia 09/06, no período da manhã, e foi aprovada pelos participantes, que disseram estar contentes em realizar a doação, principalmente dentro da Faculdade, já que uma das maiores dificuldades é o deslocamento até um posto de saúde, devido à falta de tempo.



Em depoimento, a aluna Karen do 2º ano disse ser a primeira vez que estava doando. “Minha maior dificuldade era ir até o posto de saúde para doar. Agora, estando na Faculdade, no intervalo, dá para aproveitar e fazer a boa ação”, disse ela.

A aluna Kátia do 5º Ano contou que é mais tranquilo doar quando se está na Faculdade e que não era a primeira vez que doava. A Profª Erotilde Minharro também realizou sua doação de sangue. Disse que nunca tinha doado e que se interessou porque a coleta veio até aqui. Acrescentou que se tivessem mais vezes a ação nas dependências da Faculdade seria muito interessante. A funcionária Maria Fernandes Cardoso, que também doou sangue pela primeira vez, estava feliz em poder participar.

O diretor da Faculdade, Dr. Marcelo Mauad, também participou do evento, além de apoiar as pessoas que aguardavam para fazer a sua doação. A equipe do CAXXA participou ativamente da campanha e também realização a doação. “A ação está sendo um sucesso. Os alunos estão participando ativamente. Está lotado.”, disse Marcelo Rocco, Coordenador do Centro Acadêmico, enquanto aguardava sua vez de fazer a doação.

Ao todo, foram 146 doadores, entre professores, alunos e funcionários.

Para ver as fotos da Campanha de Doação de Sangue, basta acessar o Twitter da Faculdade, seguindo o @facdireitosbc.

Parabéns a todos que participaram da Campanha e esperamos que a atitude se torne um hábito.


Endereços de Hemocentros no ABCD:

São Bernardo do Campo
• Banco de Sangue do Hospital Neomater - Rua Paulo de Favari, 162 - Rudge Ramos
• Banco de Sangue do Hospital São Bernardo - Av. Lucas Nogueira Garcez, 446 – Jardim do Mar
• Colsan - Hospital Anchieta - Rua Fioravante Demarchi, 37 - Centro

Santo André
• Banco de Sangue do Hospital Brasil - Rua Votuporanga, 115 - Vila Dora
• Colsan - Hospital Estadual Mário Covas - Rua Dr. Henrique Calderazzo, 321
• Colsan - Centro Hospitalar Municipal de Santo André - Av. João Ramalho, 326 - Vila Assunção

São Caetano do Sul
• Colsan - Núcleo Regional de Hemoterapia Dr. Aguinaldo Quaresma - Rua Rio de Janeiro, 602- Bairro Olímpico

Diadema
• Posto de Coleta e Transfusão do Hospital Estadual de Diadema - Hospital Serraria - Rua José Bonifácio, 1641 - Serraria

2 comentários:

Ministério da Saúde disse...

Olá!

Seja parceiro da campanha de doação de sangue do Ministério da Saúde.

Para receber todo material da campanha e saber como participar, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br

Att,
Ministério da Saúde.

maria da glória perez disse...

Acessei o site do Portal da Saúde (http://portal.saude.gov.br/portal/saude/area.cfm?id_area=137) e verifiquei que está temporariamente suspenso.

"Este conteúdo está suspenso atendendo a conduta do período eleitoral descrita em http://www.secom.gov.br/sobre-a-secom/legislacao/eleicoes-2010."

De toda forma, deixei uma sugestão na Ouvidoria: seria maravilhoso que houvessem campanhas de doação de sangue e similares (como a de doação de órgãos) no Fórum e na Seccional da OAB, aqui ao lado.

Aguardo o acompanhamento por e-mail.

ITANHAÉM, MEU PARAÍSO

ITANHAÉM, MEU PARAÍSO
Tome seu destino em suas mãos. Nada é mais precioso.

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

COMO NASCEU ESTE BLOG?

Cursei, de 2004 a 2008, a graduação em Direito na Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo (FDSBC).

Registrava tudo o que os professores diziam – absolutamente tudo, incluindo piadas, indicações de livros e comentários (bons ou maus). Por essa razão, eram as anotações bastante procuradas.

Entretanto (e sempre existe um entretanto), escrevia no verso de folhas de rascunho, soltas e numeradas no canto superior direito, sem pautas, com abreviações terríveis e garranchos horrorosos que não consigo entender até hoje como pudessem ser decifradas senão por mim.

Para me organizar, digitava os apontamentos no dia seguinte, em um português sofrível –deveria inscrever sic, sic, sic, a cada meia página, porque os erros falados eram reproduzidos, quando não observados na oportunidade em que passava a limpo as matérias -, em virtude da falta de tempo, dado que cumulei o curso com o trabalho e, nos últimos anos, também estagiei.

Em julho de 2007 iniciei minhas postagens, a princípio no blog tudodireito. A transcrição de todas as matérias, postadas em um mesmo espaço, dificultava, sobremaneira, o acompanhamento das aulas.

Assim, criei, ao sabor do vento, mais e mais blogs: Anotações – Direito Administrativo, Pesquisas – Direito Administrativo; Anotações – Direito Constitucional I e II, Pesquisas – Direito Constitucional, Gramática e Questões Vernáculas e por aí vai, segundo as matérias da grade curricular (podem ser acompanhados no meu perfil completo).

Em novembro de 2007 iniciei a postagem de poemas, crônicas e artigos jurídicos noRecanto das Letras. Seguiram-se artigos jurídicos publicados noJurisway, no Jus Navigandi e mais poesias, na Sociedade dos Poetas Advogados.

Tomei gosto pela coisa e publiquei cursos e palestras a que assistia. Todos estão publicados, também, neste espaço.

Chegaram cartas (pelo correio) e postagens, em avalanche, com perguntas e agradecimentos. Meu mundo crescia, na medida em que passava a travar amizade com alunos de outras faculdades, advogados e escritores, do Brasil, da América e de além-mar.

Graças aos apontamentos, conseguia ultrapassar com facilidade, todos os anos, as médias exigidas para não me submeter aos exames finais. Não é coisa fácil, vez que a exigência para a aprovação antecipada é a média sete.

Bem, muitos daqueles que acompanharam os blogs também se salvaram dos exames e, assim como eu, passaram de primeira no temível exame da OAB, o primeiro de 2009 (mais espinhoso do que o exame atual). Tão mal-afamada prova revelou-se fácil, pois passei – assim como muitos colegas e amigos – com nota acima da necessária (além de sete, a mesma exigida pela faculdade para que nos eximíssemos dos exames finais) tanto na primeira fase como na segunda fases.

O mérito por cada vitória, por evidente, não é meu ou dos blogs: cada um é responsável por suas conquistas e a faculdade é de primeira linha, excelente. Todavia, fico feliz por ajudar e a felicidade é maior quando percebo que amigos tão caros estão presentes, são agradecidos (Lucia Helena Aparecida Rissi (minha sempre e querida amiga, a primeira da fila), João Mariano do Prado Filho e Silas Mariano dos Santos (adoráveis amigos guardados no coração), Renata Langone Marques (companheira, parceira de crônicas), Vinicius D´Agostini Y Pablos (rapaz de ouro, educado, gentil, amigo, inteligente, generoso: um cavalheiro), Sergio Tellini (presente, hábil, prático, inteligente), José Aparecido de Almeida (prezado por toda a turma, uma figura), entre tantos amigos inesquecíveis. Muitos deles contribuíram para as postagens, inclusive com narrativas para novas crônicas, publicadas no Recanto das Letras ou aqui, em“Causos”: colegas, amigos, professores, estagiando no Poupatempo, servindo no Judiciário.

Também me impulsionaram os professores, seja quando se descobriam em alguma postagem, com comentários abonadores, seja pela curiosidade de saber como suas aulas seriam traduzidas (naturalmente os comentários jocosos não estão incluídos nas anotações de sala de aula, pois foram ou descartados ou apartados para a publicação em crônicas).

O bonde anda: esta é muito velha. A fila anda cai melhor. Estudos e cursos vão passando. Ficaram lá atrás as aulas de Contabilidade, Economia e Arquitetura. Vieram, desta feita, os cursos de pós do professor Damásio e da Gama Filho, ainda mais palestras e cursos de curta duração, que ao todo somam algumas centenas, sempre atualizados, além da participação no Fórum, do Jus Navigandi.

O material é tanto e o tempo, tão pouco. Multiplico o tempo disponível para tornar possível o que seria quase impossível. Por gosto, para ajudar novos colegas, sejam estudantes de Direito, sejam advogados ou a quem mais servir.

Esteja servido, pois: comente, critique, pergunte. Será sempre bem-vindo.

Maria da Glória Perez Delgado Sanches